Termodinâmica e Termologia

Termologia é a área da Física que estuda o calor a nível microscópico e macroscópico.
A nível macroscópico preocupa-se com os aspectos globais do sistema, ou seja, com o conhecimento do volume do mesmo, com a temperatura e com outras propriedades que podem ser detectadas pelos nossos sentidos. A nível microscópico as grandezas são avaliadas de forma indirecta.
Estuda microscopicamente os fenómenos térmicos, preocupando-se com a energia das moléculas, a sua velocidade, interacções, etc.

A Termodinâmica é a parte da Termologia que estuda não só os fenómenos relacionados com trabalho, energia, calor e entropia, como também as leis que regem os processos de conversão da energia.

Kelvin, Wiliam Thompson

Matemático, físico, engenheiro e líder que contribuiu em muitos ramos da Física, entre eles o da Termodinâmica.
Kelvin discutiu que a chave da interpretação da segunda lei da terrmodinânica era a expansão de processos irreversível. Concluiu que se a entalpia aumentasse sempre, o universo alcançaria eventualmente um estado de temperatura uniforme no máximo de que não seria possível extrair nenhum trabalho. Chamou a isso a morte do calor do universo. Com o físico Rankine propôs uma teoria da termodinânica baseada no primazia do conceito da energia, entendendo que toda a física a deveria seguir.
Disse que as duas leis da termodinâmica expressam a indestrutibilidade e dissipação da energia.
Kelvin dedicou-se ainda a outras áreas como o electromagnetismo (onde usou o conceito de campo para explicar interacções magnéticas), tentou calcular a idade da terra através da sua taxa de refrigeraçao e escreveu ainda alguns livros sobre as suas teorias. Foi ainda feita uma escala de temperatura com o seu nome em homenagem.

Rudolf Clausius

Físico alemão que nasceu em 2 de Janeiro de 1822 em Köslin na Prússia e faleceu em 24 de Agosto de1888 em Bonn na Alemanha. Estudou nas Universidades de Berlim e Halle. Foi o autor de um artigo que corrigida a teoria calórica de Carnot. Demonstrou que o calor não era um fluido, mas sim, uma forma de energia, o que contribuiu para o segundo princípio da termodinâmica. Em 1850 desenvolveu a teoria cinética dos gases. Entre 1855 e 1888 foi professor no Polytechnic Institute, em Zurique, e nas Universidades de Wurzburg e Bonn. Em 1865, tendo por base o teorema de Carnot definiu a grandeza: “entropia”. Formulou um teorema sobre a electrólise que contribuiu para o desenvolvimento da teoria iónica.

Termómetro

Lamparina a Álcool

Calorímetro de Dewar

Aparelho de Calor