Acústica

A Acústica é o ramo da Física que estuda o som e a propagação das ondas sonoras. O seu estudo pode ser dividido em três fases: a produção, a transmissão e a propagação do som. Esta ciência encontra-se inserida na mecânica. O som é um fenómeno causado pelos mais diversos objectos e que se propaga através dos vários estados físicos (sólido, líquido e gasoso).

O domínio da acústica estende-se hoje ao estudo de vibrações de frequências compreendidas entre 20 e 20 000 ciclos por segundo. As vibrações de frequência superior a 20 000 ciclos por segundo ou inferior a 20 ciclos por segundo designam-se, respectivamente, por ultra-sons e infra-sons.

Thomas Alva Edison

Inventor que nasceu a 11 de Fevereiro de 1847 em Milão (Itália) e faleceu a 18 de Outubro de 1931, em West Orange (EUA). Além de ter desenvolvido muitos dispositivos importantes de grande interesse industrial, as suas contribuições mais importantes foram no campo tecnológico e científico. Construiu a lâmpada eléctrica incandescente, o gramofone, o cinescópio, o ditafone e o microfone de grânulos de carvão. Foi considerado um dos grandes percursores da tecnologia do século XX, tendo contribuído para o desenvolvimento da indústria cinematográfica.

Heinrich Rudolf Hertz

Físico alemão que nasceu em 22 de Fevereiro de 1857, em Hamburgo e faleceu em 1 de Janeiro de 1894, em Bona.
Desde muito cedo, interessou-se pela construção de mecanismos e devido a esta apetência frequentou uma faculdade de engenharia durante dois anos. Como era um estudioso da Física e gostava de investigar neste campo, optou por ingressar na Universidade de Berlim, em 1878.
Em 1880, realizou um trabalho “Sobre a Energia Cinética da Electricidade”, proposto pelo seu professor Helmholtz, onde manifestou as suas grandes qualidades de investigador. Nesse trabalho, estudou a elasticidade dos gases e a propagação de descargas eléctricas através deles.
Três anos mais tarde, foi professor na Universidade de Kiel e aí iniciou pesquisas sobre a Electrodinâmica de Maxwell, a qual se opunha à electrodinâmica mecanicista e a teorias anteriores sobre a natureza da acção das ondas à distância.
Em 1885, regressa a Karlsruhe e lecciona na Escola Politécnica.
Quando se mudou para Kiel, em 1883, ele começou por descobrir a produção e a propagação das ondas electromagnéticas e a forma de controlar a frequência das ondas produzidas. Quanto às propriedades das ondas electromagnéticas, descobriu que a sua velocidade de propagação era igual à velocidade da luz no vácuo, oscilavam num plano que contém a direcção de propagação e que sofriam os seguintes fenómenos: refracção, reflexão e polarização.Estes resultados foram, em 1888, apresentados à comunidade científica e foram reconhecidos.
Além de ter demonstrado a existência da radiação electromagnética criou aparelhos emissores e detectores de ondas de rádio.

Fonógrafo

Sereira de Cagniard

Campainha Eléctrica

Campainha de Campanula